23 de dezembro de 2019 em Dicas, Sem categoria
165

Mala de mão: o que não pode faltar

Le Jardin Caldas Novas

Cada pessoa tem suas preferências quando se trata de fazer as malas. Mas, quando falamos especificamente da bagagem de mão para viagens de avião, é preciso planejar e ter uma estratégia bem definida.

A ideia é ter disponível tudo o que você pode ou poderá precisar desde o momento em que despacha as malas maiores no check-in até aquele em que chega ao destino final – sem se esquecer de que pode ocorrer o temido extravio e você precisar se virar com aqueles poucos itens por alguns ou vários dias.

Confira abaixo o que é preciso sempre ter ao seu lado para não passar perrengue.

Documentos pessoais

Esses não podem faltar, porque não dá para viajar sem documentos. Em viagens internacionais, leve sempre o passaporte, mesmo quando a viagem for para países que são membros do Mercosul, nos quais dá para entrar com identidade ou carteira de motorista. Faço isso por motivos variados: o passaporte é um documento oficial e fácil de identificar em qualquer lugar a que você vá (nossa carteira de motorista pode ser um documento complicado para estrangeiros entenderem); é difícil que alguém questione a veracidade de um passaporte (no caso de viagens com carteira de identidade ou outro documento, a foto precisa ser razoavelmente recente); e você ganha um carimbo a mais no passaporte.

Ficha de saúde

É importante ter uma ficha com informações sobre alergias a medicamentos, tipo sanguíneo, doenças crônicas, uso frequente de medicamentos e outras questões relativas à saúde. Essa ficha poderá ser consultada por profissionais da área da saúde no caso de um atendimento de emergência, se você passar mal e não puder dar essas informações.

Identificação pessoal

Por incrível que pareça, muita gente consegue perder a mala de mão, seja porque esqueceu em algum lugar, seja porque alguém a pegou por engano. Por via das dúvidas, é sempre bom andar com todos os seus itens devidamente identificados.

Leia mais: Monte a mala perfeita para crianças

Itens de higiene

A maioria das viagens internacionais dura várias horas, principalmente se considerarmos o tempo de traslado, as horas de espera nos aeroportos, a correria entre as conexões etc. O fato é que você certamente vai ter que se alimentar, provavelmente vai suar e talvez chegue a se descabelar. Alguns itens essenciais são: escova e pasta de dente (fio dental é também uma ótima dica, mas não é essencial); lenços secos e/ou umedecidos; álcool gel; desodorante e escova de cabelo. Essa lista é variável, cada pessoa sabe o que é importante ter por perto. Lembre-se de que nenhum item em líquido ou gel pode ter mais de 100 ml e em alguns embarques eles precisam estar dentro de um saco hermético. Outra dica é abrir os produtos, passar um plástico-filme no gargalo e fechar novamente – isso evita vazamentos. Também é bom evitar embalagens totalmente cheias, pois a diferença de pressão atmosférica durante o voo pode causar a expansão do conteúdo.

Itens de conforto

Não adianta também ficar limpinho e passar a noite em claro porque não conseguiu dormir no avião, chegando com aquela cara de pão amassado no seu destino. Alguns itens simples ajudam bastante na hora de relaxar e dormir. Para segurar a cabeça e não ter dor no pescoço, é indicado um travesseiro de viagem. Um tapa-olho também é ótimo para deixar tudo escurinho, além de um tampão de ouvido, que abafa os ruídos e você encontra em farmácias e free shops.

Leia mais: Monte a mala de mão perfeita

Roupas

Pensando na possibilidade de que pode haver um extravio da sua mala principal (comum em voos de avião), é sempre bom levar na mala de mão uma (ou duas) mudas de roupa. Isso serve também para emergências, como derrubar comida/bebida na roupa que está vestindo. Também é bom se lembrar de usar roupas confortáveis e levar um casaco, porque pode fazer frio dentro do avião.

Remédios

Falando em conforto, tem coisa pior que passar mal em pleno voo? Dores, náuseas, alergias podem acontecer com qualquer pessoa e são muito incômodas. Por essas e outras, leve sempre uma pequena farmácia à mão.

Leia mais: Farmácia de viagem: medicamentos que não podem faltar na sua bagagem

Comidinhas

É comum que ocorram atrasos nos voos, muitas vezes de várias horas. É sempre bom levar lanchinhos para enganar a fome. Caso não use, já ficam sendo aperitivos para levar durante os passeios.

Entretenimento

A fome não é o único dos problemas no caso de atrasos: tem também aquela velha questão de morrer de tédio. Para quem não tem costume de dormir imediatamente após a refeição no avião, as opções de entretenimento também são importantes. E não se engane, não são todos os voos que estão equipados com televisões individuais e conteúdo de qualidade. Por isso, leve sempre um tablet ou smartphone recheado de joguinhos, filmes, músicas, algum livro para ler (pode ser ebook para não ter que carregar mais peso) etc. Eles poderão ser usados também quando chegar ao destino e não tiver nada para fazer nos deslocamentos entre uma cidade e outra ou na fila de espera de alguma atração turística. Não se esqueça de levar todos os carregadores e adaptadores de tomada na mala de mão, pois eles podem ser necessários no aeroporto ou durante o trajeto.

Com informações do site: https://viajento.com/2017/08/19/o-que-nao-pode-faltar-na-mala-de-mao/

Tags

Posts relacionados

2017 © HPO Adminstradora de Clubes e Hoteis LTDA – 33.324.195/0002-65

Desenvolvido por